NOTA DE PESAR – FERNANDA BENVENUTTY

 

Fernanda Benvenutty, nascida em 9 de fevereiro de 1962 na cidade de Remígio, interior da Paraíba, foi uma Tec. em Enfermagem que indignada com a falta de acesso da população trans na área da saúde, se inseriu no movimento das travestis brasileiras pelos direitos humanos LGBT, militando especialmente na causa Trans. Tornou-se Presidente da Associação das Travestis da Paraíba, Vice-presidente da Articulação Nacional de Travestis e Transexuais e Diretora executiva da Associação Brasileira de Gays, Lésbicas, Bissexuais, Travestis e Transexuais.
Benvenutty foi a primeira trans conselheira nacional de saúde e protagonizou a campanha educativa do Ministério da Saúde que visa o respeito pelos direitos de travestis e transexuais utilizarem o nome social no Cartão SUS.
Fernanda era muito conhecida e reconhecida em João Pessoa, a cidade que residia, pela dedicação e organização do carnaval de rua, pois dirigia um bloco carnavalesco e promovia a auto organização desta comunidade em busca do direito e acesso a cultura popular.
A uma semana do seu aniversário, certamente celebraria mais um ano de vida, de luta e dedicação aos Direitos Humanos. Fernanda foi brilhar em outro plano, nos deixando a saudade e lembrança de sua garra, compromisso e respeito a luta por uma sociedade justa e inclusiva para todes.
Fernanda faleceu neste domingo, 02 de fevereiro de 2020, em decorrência de um câncer.
Nosso sincero respeito e saudação a essa grande militante e sua linda história, é com muito pesar que recebemos a perda dessa construtora da luta pela dignidade de vida das pessoas trans no Brasil.

Deixe um comentário