Oportunizar: Sebrae do Amapá oferece apoio para cursos profissionalizantes para pessoas transexuais

O Sebrae Amapá pretende disponibilizar o Centro de Formação para a realização de cursos profissionalizantes para pessoas trans, como apoio ao projeto Oportunizar. A iniciativa foi sinalizada pelo presidente do Sebrae/AP, Iraçu Colares em reunião com a coordenadora do Oportunizar, Tathiane Araujo, que segue em sua agenda de advocacy em Macapá. A reunião ocorreu no dia 18/11, na sede do Sebrae, em Macapá, com a participação da Diretora Técnica do Sebrae/AP, Marciane Costa, do Coordenador Municipal de Diversidade de Macapá, Édem Jardim, da Coordenadora de Políticas para Mulheres, Simone Ferreira, além da representante do Oportunizar no Amapá, Rafaela Esteffans.

Durante a reunião, Tathiane apresentou aos representantes do Sebrae/AP a situação-problema e as propostas do Oportunizar. Marciane demonstrou interesse em realizar ações de promoção da visibilidade trans, citando como exemplo o Sebrae da Bahia, que já executa um programa nessa linha.

O Sebrae/AP sugeriu uma iniciativa em conjunto com a Prefeitura de Macapá para oferecer cursos profissionalizantes exclusivos para a população trans. A Prefeitura ficaria responsável pela logística do Centro de Formação, enquanto o Sebrae colocaria à disposição seus professores e instrutores.

Deixe um comentário