Oportunizar junta-se à Findes e secretaria municipal de direitos humanos para sensibilizar empresas sobre empregabilidade trans no ES

Liliane Caldeira, do Oportunizar (ao centro), Rosilene Prochno Tresmann, da Findes (esquerda) e Renata Segóvia, da SEMCID-Vitória (direita)

Nesta quinta-feira, 09/06, a representante do projeto Oportunizar no ES, Liliane Caldeira, reuniu-se com Renata Segóvia, gerente de Políticas de Cidadania e Direitos Humanos e Rosilene Prochno Tresmann, analista de relações com o Governo da Federação das Indústrias do Espírito Santo (Findes) para alinhar um plano de ação com as empresas da Grande Vitória para a capacitação e empregabilidade de pessoas trans e travestis.

A Findes já vinha articulando propostas de empregabilidade e educação de jovens e adultos para pessoas trans junto à Gerência de Políticas de Cidadania e Direitos Humanos, da Secretaria Municipal de Cidadania, Direitos Humanos e Trabalho de Vitória (SEMCID). Agora o Oportunizar se soma para mapear e reunir as principais empresas do Espírito Santo para uma oficina de sensibilização para a questão social da educação e empregabilidade de pessoas trans e travestis. Depois disso, o plano é promover vagas em treinamentos e encaminhar esta população ao mercado de trabalho – a exemplo da iniciativa da EDP com o SENAI, que rendeu um curso profissionalizante.

Ao fim da reunião, Liliane ficou de mapear as grandes empresas que interligam a Grande Vitória a outros municípios cruciais, como Cariacica e Vila Velha e a região de Aracruz, a começar pelo Estaleiro Jurong Aracruz. A expectativa é que o primeiro evento com as empresas seja realizado em agosto.

Deixe um comentário